A Geonor realizou mais de 6.000 m de furos de sondagem horizontais dedicados a pesquisas geotécnicas.

A evolução do mercado de mineração subterrânea foi consequência direta do surgimento recente de sondas elétricas de recuperação de testemunhos de alta potência (comprimentos de furo entre 800 e 1.000 metros).

Esses equipamentos, além de sua utilidade na pesquisa de mineração, abrem um leque muito importante de possibilidades do ponto de vista da pesquisa geotécnica focada em infraestruturas subterrâneas.

Com esse tipo de sonda, que é muito versátil e fácil de instalar no campo, é possível realizar sondagens de reconhecimento horizontais ou com inclinação acentuada, o que permite investigar infraestruturas como túneis, galerias, barragens etc., que até agora eram estudadas por meio de campanhas geotécnicas dispendiosas de desenvolvimento vertical, nas quais se obtinham informações muito limitadas do terreno e que estavam sujeitas a interpretação.

Na Espanha, a GEONOR é a empresa que realizou a maior quantidade desse tipo de perfuração em estudos geotécnicos e durante a execução de obras civis.